sábado, 9 de março de 2013

Dois conclaves


Existem pelo menos dois conclaves: o da mídia e o dos cardeais. O da mídia nos ajuda a ver como nos percebem e nos veem. O dos cardeais nos convida a estar junto com o Senhor na oração.

Sem dúvida que isso reflete o quanto a Igreja Católica desperta interesse pelo mundo e em todas as mídias. Creio que é um momento muito importante de uma reflexão e aprofundamento sobre a maneira como somos vistos e como nós mesmos nos vemos. Em resumo: a famosa pergunta de Jesus para seus discípulos: “quem dizem os homens que eu sou?” e depois, e para vocês, “quem sou eu?”

o Conclave verdadeiro é o que acontece em Roma, tanto na Sala do Sínodo, situada na “Aula” Paulo VI, como também na Capela Sistina e na “Domus” Santa Marta, onde estarão residindo os cardeais votantes. O que vemos é um momento divino e humano. De um lado tempo de oração pessoal, comunitária, pública. De outro lado discussões, exposições, discursos, reflexões sobre o estado atual da Igreja e o que o Espírito Santo ilumina para o futuro. Creio que para nós, católicos, esse segundo aspecto é que deve nos nortear nesses dias.

É tempo de oração e confiança! É um momento marcante para a vida da Igreja! Nós participaremos com nossa unidade e meditando à luz da fé sobre todos esses acontecimentos. Será uma bela ocasião de afirmar que nós nos encontrarmos com o Senhor, o Filho de Deus, o Salvador do Mundo, Jesus Cristo, a quem anunciamos e pedimos para que sejamos sempre mais seus sinais para nossa sociedade em mudança e transformação.

† Orani João Tempesta, O. Cist.
Arcebispo Metropolitano de São Sebastião do Rio de Janeiro, RJ

Fonte:  (Zenit.org)

Nenhum comentário:

Postar um comentário